.Divulga !

Quarta-feira, 14 de Maio de 2008
Consultas de planeamento familiar: entrevista.

O grupo Sexualidade Sem Tabus dirigiu-se ao Centro de Saúde de Tomar para comparecer a uma consulta de planeamento familiar já marcada de antemão com a enfermeira Madalena. 

Deixamos aqui o nosso obrigado pela disponibilidade e amabilidade com que nos recebeu e partilhamos um trecho da entrevista com vocês para poderem, tal como nós, tirar as vossas conclusões. 

 

Perguntas em que baseámos a nossa entrevista e respectivas respostas:

 

 * Com que frequência os jovens frequentam as consultas de planeamento familiar?  

  "É assim, depende das famílias e depende dos adolescentes, porque nós funcionamos deste modo: o centro de saúde funciona por enfermeiro de família e médico de família, desta forma, o adolescente tem várias hipóteses, a hipótese de ir ao seu médico de família por consulta ou então vir ás consultas de planeamento familiar sejam eles de que médico forem, independentemente se são de Tomar se não. Temos uma taxa elevada de adolescentes, contudo esta taxa é representativa de, não apenas jovens de Tomar e arredores mas também de outras zonas do país.  Não sei dizer exactamente a percentagem entre adolescentes e não adolescentes, mas temos muitos adolescentes! Muitos, muitos!"

 

 * Ao virem à consulta revelam algum desconforto ou falam naturalmente daqui que mais os preocupa?  

"A maioria das pessoas já vêm descontraídas, mas é costume vir um único adolescente à consulta, alguém que tome a iniciativa, para esclarecer as dúvidas do seu grupo de amigos. Às vezes também vêm com a mãe, e normalmente até são os pais que tomam a decisão e marcam uma consulta para o seu filho ou filha, nessas alturas eles vêm à consulta. Mas, na maioria das vezes costumam vir com os amigos da escola. Também acontece às vezes vir o casal".

 

 * Será que hoje em dia os jovens se encontram bem informado, e se a informação que chega até eles é suficiente e de qualidade?

"O problema muitas das vezes não é a informação, os jovens têm informação, tirando uma pequena minoria, o problema está em não se comportarem de acordo com essa informação. Lá por saberem que têm que usar o preservativo, não quer dizer que usem preservativo, sendo este um exemplo!" 

 

   * Entre mais ou menos que idades é que os jovens costumam vir ás consultas de planeamento?

 "Muito variável, nós temos utentes desde os 13 anos e não temos um limite patamar superior. Isto não quer dizer que não venham pessoas com idade inferior. Contudo, quem mais comparece nestas consultas são as raparigas, é uma diferença bastante significativa".

 

* Já se confrontou com casos de mães adolescentes?

  "Não é muito frequente, tivemos alguns casos e continuamos a ter de mães adolescentes, apesar de se saber que, neste momento, a interrupção voluntária da gravidez existe, normalmente as mães decidem assumir a gravidez. Temos alguns casos mas a percentagem não é muito elevada, e as idades em que ocorrem essas gravidezes são entre os 16, 17anos".

 

 * Os jovens preocupam-se com a gravidez e com as doenças sexualmente transmissíveis ou apenas se preocupam em se proteger de modo a evitar uma gravidez indesejada?

  "Com a gravidez! Normalmente somos nós que praticamente impingimos o preservativo associado a contracepção normal, ou apenas o preservativo, mas normalmente utilizamos a contracepção combinada.”

 

* Acha que o tema sexualidade ainda é visto como tabu?

“É, claro que sim! É visto como um tabu por muitas pessoas e em diversos aspectos, mas é completamente. Um bom exemplo é aquilo que referi anteriormente relativamente a um adolescente vir representar o seu grupo de amigos, dá a cara por todos eles, e quer saber disto ou daquilo, ou precisa de preservativos, podendo aqui observar que ainda não se trata de um tema fácil de abordar. Por isso é que muitas vezes vêm escondidos, não vêm acompanhados pelos pais. Mas depois temos o outro lado em que já são os pais que querem que os filhos antes de iniciarem a sua vida sexual compareçam a uma consulta, esclareçam todas as duvidas que têm para esclarecer, que tenham informação sobre os métodos, sobre as doenças, para depois quando iniciarem já estarem mais alerta e mais esclarecidos, contudo estes casos ainda não são muito frequentes.”

 

Em Destaque!

Irresponsabilidade

"O problema não é da informação, os jovens têm bastante informação e de qualidade mas não assumem os comportamentos relacionados com a informação que possuem".

 

 

Não precisam de ter vergonha, as pessoas responsáveis por estas consultas estão informadas sobre o tema e habituadas a lidar com situações semelhantes às vossas. Pelo sim, pelo não, joguem pelo seguro. Meninas, marquem as vossas consultas de planeamento familiar e informem-se, previnam-se.

 

 

Não corras riscos desnecessários !

 

 

 

 

publicado por sexualidadesemtabus às 12:00
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Patrícia a 14 de Maio de 2008 às 21:21
Interessei-me bastante por esta entrevista e realçou-me o facto da enfermeira abordar a contracepção combinada, penso que seja preservativo e pílula, mas é obrigatório o uso destes dos métodos de modo a prevenir uma gravidez?
De Qualquecoisa a 9 de Janeiro de 2010 às 22:45
Não é preciso de usar os 2 metodos contracetivos ( Pilula e Persevativo) mas é mais seguro porque se o persevativo estiver furado a pilula é uma segunda proteção. espero ter ajudado ;D

Comentar post

.mais sobre nós
.pesquisar
 
.Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
.as últimas

. Apresentação final.

. Respostas mais fresquinha...

. Surpresa bastante agradáv...

. Está entregue !

. A entrevista ao Ginecolog...

. Um resumo de uma palestra...

. VI Jornadas do Serviço de...

. Análise e conclusões da p...

. Consultas de planeamento ...

. Não acontece só aos outro...

.aqui há mais

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.E tu ?
Esclareces duvidas sobre sexualidade com os teus pais?
Sim, sempre que preciso
As vezes, dependendo das duvidas
Nem pensar!
  
pollcode.com free polls
.Atreves-te?
A quem recorres quando tens duvidas sobre sexualidade?
Aos meus pais
Aos meus avos
A outros familiares
A amigos
A internet
A um especialista
A ninguem, tenho vergonha
  
pollcode.com free polls
.Deixa-nos as tuas críticas!
Para ti, o nosso blog e'...
super util, muito bom mesmo
bonzinho, nao esta mau
mais ou menos
desagradavel, nao gosto
  
pollcode.com free polls
.Quantas pessoas já nos visitaram?
msn live tracker
Cable Internet Access
tracker
.links
blogs SAPO
.subscrever feeds